Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 17 de maio de 2022

Notícias | Pecuária

novidade

Suplemento extrai ao máximo o potencial produtivo e oferece maior lucro

Depois do estudo técnico feito pela equipe responsável para implantação do Programa de Suplementação o pecuarista repassou, em números, o objetivo a ser alcançado. Matar em torno de mil animais, com acabamento de gordura adequado, no período da safra, que segue entre dezembro e junho. Enviar cerca de 750 animais para confinamento e lotar a fazenda com 1500 garrotes no período de seca.

Foto: Reprodução / Ilustração

Suplemento extrai ao máximo o potencial produtivo e oferece maior lucro

Suplemento extrai ao máximo o potencial produtivo e oferece maior lucro

Extrair ao máximo o potencial produtivo com baixo custo, oferecendo um maior lucro por animal com um maior ganho produtividade por hectare possível. Esta é a principal vantagem de um programa de suplementação animal desenvolvido Nutripura Nutrição e Pastagem, empresa do ramo de nutrição animal e pastagem.

Leia mais
Banco revela que agropecuária é o segmento econômico que mais cresce no Brasil
Colheita do algodão chega a 85% em Mato Grosso, aponta Imea

Segundo a empresa, o suplemento tem trazido resultados surpreendentes e chamado a atenção de pecuaristas na região onde foi implantado.

“O perfil do cliente é uma variável importante, assim como a estrutura da propriedade, os equipamentos disponíveis, as características físicas da fazenda, a capacitação da mão de obra e a disponibilidade e vontade de investir por parte do cliente indicam o momento ideal para iniciar o programa e influenciam no sucesso do programa estratégico”, analisa o supervisor técnico da empresa, Lainer Leite.

O pecuarista Fernando Almeida Azevedo é o responsável técnico da Fazenda Santa Tereza, localizada no município de Poxoréu, cerca de 80 km de Rondonópolis, e adotou o sistema de alimentação por meio da suplementação. “No final acabamos ganhando mais do que estava programado, e também estamos vendendo animais antes do previsto. Essa precocidade dá uma certeza de retorno financeiro”, disse Fernando.

Como funciona
Depois do estudo técnico feito pela equipe responsável para implantação do Programa de Suplementação o pecuarista repassou, em números, o objetivo a ser alcançado. Matar em torno de mil animais, com acabamento de gordura adequado, no período da safra, que segue entre dezembro e junho. Enviar cerca de 750 animais para confinamento e lotar a fazenda com 1500 garrotes no período de seca.

Em uma propriedade com cerca de 650 hectares de pastagem, fazendo recria e engorda, para a obtenção de produção de cerca de 15000 arrobas, isso significa produção de 23@/ha.

Para uma melhor evolução da proposta, foi decidido que o projeto deveria abranger duas fases, uma de pré-engorda e uma específica para engorda intensiva. Resultado: maior ganho em menor tempo (custo da arroba produzida por volta de R$ 35 e ganho em média de quatro arrobas por animal).

Leite finaliza esclarecendo que cada caso é um caso, como especificado no início da matéria, e que todas as variáveis envolvidas na produção impactam no resultado final. “Isso faz com que os resultados sejam levemente diferentes de propriedade para propriedade, mas podemos afirmar que o ganho se dá devido a alimentação diferenciada”, finaliza.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet