Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 25 de maio de 2022

Notícias | Agronegócio

crise no setor

Cidinho comemora avanços no dia do avicultor mas faz alerta

Foto: Assessoria

Cidinho comemora avanços no dia do avicultor mas faz alerta
O sucesso e os desafios dos avicultores brasileiros foram assuntos lembrados pelo senador Cidinho Santos, nessa terça-feira (28.08), quando aproveitou a comemoração ao Dia do Avicultor para enfatizar a participação do setor no crescimento econômico do país.

Cidinho lembrou que o PIB brasileiro esteve no último ano aquém do esperado, mas, o setor agropecuário, foi um dos grandes responsáveis pelo bom desempenho do Brasil perante a crise econômica mundial. O setor apresentou, de acordo com pesquisa da CNA, crescimento de 5,7% em 2011.

"Isso, evidentemente, nos enche de orgulho e satisfação, uma vez que o Brasil se mostra imensamente devedor dos sucessos alcançados pelo campo," ressaltou ao indicar o superávit nas exportações de U$ 7,76 bilhões com relação a julho do ano passado.

Entretanto, os avicultores enfrentam , assim como outros setores, consequências oriundas da crise nos Estados Unidos - que sofre nesse período uma das maiores secas de sua história. O senador explica que o efeito é cascata e resulta na alta dos preços que afetam diretamente tanto produtores quanto consumidores. "A quebra da safra americana de grãos resulta no aumento das exportações de milho e soja brasileiros para os EUA. O que acaba derivando aumento dos custos para as granjas de frango, por exemplo", elucidou.

Cidinho levou à tribuna do Senado, dados do jornal Folha de S. Paulo - do último dia 15 de agosto-, que apresentam os custos de mercado desses grãos: o milho subiu 16%, no segundo trimestre desse ano, quando comparado a 2011, assim sendo, a alta foi de 30% no valor do frango.

"Ao contrário do que poderia parecer, os efeitos têm sido tenebrosos para o setor causando impactos significativos sobre os resultados das empresas que já alertam para os efeitos do terceiro trimestre, ou seja, que devem ser ainda piores", lamentou.

Subsídio do Governo

Em 16 de agosto passado, representantes do setor buscaram junto ao secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa ajuda que viria em caráter emergencial, através de uma medida de liberação de créditos do PIS/Confins devidos pelo Governo às empresas, o que auxiliaria a redução de custos de produção que sofrem as consequências do agravamento da crise climática americana.

"A gravidade da situação exige atenção urgente e imediata do Governo Federal e a presidente tem se mostrado sensível às necessidades da classe produtora", finalizou ao enfatizar a urgência numa solução de Governo que reduza os prejuízos sofridos pelos avicultores brasileiros.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet