Olhar Agro & Negócios

Quinta-feira, 18 de julho de 2024

Notícias | Geral

coprodutos estão em alta

China e Espanha são principais importadores de soja de Mato Grosso, aponta Secex

Foto: Marcos Vergueiro

China e Espanha são principais importadores de soja de Mato Grosso, aponta Secex
Levantamento da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) aponta que a China e Espanha foram os principais importadores de soja de Mato Grosso na safra 23/24. A estimativa é de que o estado escoe 23,24 milhões de toneladas do grão.


Leia também:
Falta de chuvas atrapalha crescimento de lavoura e derruba produção de soja em MT

Devido à falta de chuvas, esta safra deve produzir 39,05 milhões de toneladas sendo a menor das últimas duas safras. De acordo com o levantamento, entre os meses de janeiro e maio deste ano foram escoados 16,68 milhões de toneladas.

Somente em maio houve o escoamento de 3,85 milhões de toneladas. Atualmente, Mato Grosso enfrenta dificuldades com o escomaneto de grãos causando problemas na logística.

A Secretaria de Comércio Exterior (Secex) informou que os principais importadores de Mato Grosso foram a China e Espanha com 2,47 milhões e 0,41 milhões, respectivamente.

No que tange aos coprodutos, com a queda nos preços do farelo e óleo de soja e a saída da Argentina em maio, em decorrência das greves nos portos e nas esmagadoras, o volume enviado pelo estado aumentou, totalizando 835,95 mil de farelo e 21,22 mil toneladas de óleo. Tratando-se dos países que mais compraram os coprodutos do estado, destacam-se a Tailândia com 174,61 mil toneladas de farelo, e a Argélia com 18 mil toneladas de óleo.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet