Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 18 de junho de 2024

Notícias | Pecuária

MULTA DE R$ 6 MIL

Produtores rurais têm até quinta para informar rebanho ao Indea; 42% ainda não fizeram

Foto: Christiano Antonucci - Secom-MT

Produtores rurais têm até quinta para informar rebanho ao Indea; 42% ainda não fizeram
A campanha estadual de atualização de rebanho, realizada pelo Governo do Estado, termina nesta quinta-feira (30), e, até agora, 42% dos produtores ainda não prestaram informações ao Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT). 


Leia também
Concessionária de energia amplia negociação de dívidas e oferece até 50% de desconto para todos os clientes


Até esta segunda-feira (27), 56 mil produtores de bovinos, bubalinos, suínos tecnificados e aves comerciais realizaram o informe que é obrigatório. Esse número está 42% abaixo do esperado, em comparação com a campanha anterior, realizada em maio deste ano, quando 98 mil produtores rurais informaram ao Indea-MT dados detalhados dos rebanhos e das propriedades rurais.

A campanha começou a ser realizada em substituição à vacinação contra a febre aftosa. Porém, ela não se restringe à parte bovina. A campanha abrange também os criadores de búfalos, aves e suínos.

O produtor rural poderá fazer a comunicação pelo módulo do produtor, ou presencialmente em qualquer unidade do Indea ou postos avançados. No site da autarquia, em Sanidade Animal, é possível encontrar outras informações sobre a campanha.

Para ter acesso ao módulo do produtor, deve-se requerer o cadastro em alguma unidade do Indea, e assinar o Termo de Compromisso de Utilização do Sistema Informatizado. No site do Indea, em Sanidade Animal, Atendimento não Presencial, é possível acessar o referido termo.

Desde o dia 9 de novembro, o produtor comercial que não fez a comunicação de rebanho já está impedido de emitir a Guita de Trânsito Animal (GTA), exceto se o animal for para abate.

Durante a comunicação, o produtor rural que possui bovinos e bubalinos sob sua responsabilidade poderá também registrar a marca a ferro.

A não comunicação de estoque de rebanho resultará em multa de aproximadamente R$ 6 mil.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet