Olhar Agro & Negócios

Domingo, 03 de março de 2024

Notícias | Geral

QUINTO MAIOR DO PAÍS

Mato Grosso possui cerca de 1,8 milhão de inadimplentes, aponta levantamento do Serasa

Foto: Reprodução

Mato Grosso possui cerca de 1,8 milhão de inadimplentes, aponta levantamento do Serasa
Um levantamento do Serasa apontou que Mato Grosso ocupa o quinto lugar com o maior número de inadimplentes atingindo 50,44% da população do Estado que possui cerca de 3,7 milhões de habitantes. Segundo os dados, grande parte dos endividamentos são decorrentes de cartão de crédito. 

Leia também:
Mauro cita dificuldades em realizar contratações na Saúde de Cuiabá devido ao 'alto nível de inadimplência' da Prefeitura


Os dados são referentes ao mês de abril deste ano. Mato Grosso ocupa o quinto lugar no levantamento ficando atrás somente do mapá, Amazonas, Rio de Janeiro e Distrito Federal, que possuem porcentagens variantes de 52%.

Mato Grosso possui 50,44% da população em situação de inadimplência atingindo cerca de 1,8 milhões de habitantes.

Foi apontado ainda que a maior parte dos endividamentos são causados pelo cartão de crédito seguido por contas básicas como água, luz e gás e por  último o varejo.

O perfil dos inadimplentes mostra que a população entre 26 e 60 anos estão entre os principais endividados representando 34,8% da população.

Desenrola Brasil

O Governo Federal encaminhou nesta semana a Medida Provisória do “Desenrola Brasil”, programa que vai possibilitar a renegociação de dívidas, devendo beneficiar até 70 milhões de pessoas – com cerca de 40 milhões na faixa I e 30 milhões na faixa II.

O objetivo da medida é combater a inadimplência no país e ajudar os brasileiros endividados a pagarem suas dívidas. O programa é voltado para pessoas físicas e contempla duas faixas de benefícios.

O Desenrola será executado em três etapas: publicação da Medida Provisória; adesão dos credores e realização do leilão, e adesão dos devedores e período de renegociação. Nesse primeiro momento, as pessoas que têm dívidas em até R$ 100 poderão ser desnegativadas.

​Agora, com a publicação da MP, será editada uma regulamentação pelo Ministério da Fazenda detalhando os critérios das instituições financeiras que vão desnegativar dívidas em definitivo. (Com Assessoria)
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet