Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 27 de maio de 2020

Notícias / Geral

Floricultura tem alta de 80% nas vendas de dia das mães: “o melhor em dez anos”

Da Redação - Isabela Mercuri

14 Mai 2020 - 16:37

Foto: Arquivo Pessoal

Floricultura tem alta de 80% nas vendas de dia das mães: “o melhor em dez anos”
Sem shoppings abertos para comprar bolsas, sapatos ou joias, e com muitas mães isoladas em casa como forma de se prevenir do novo coronavírus (Covid-19), a alternativa encontrada pelos cuiabanos no último domingo (10) foi a compra de flores. Na rede Floricultura América, por exemplo, a alta nas vendas foi de 80%, e o cenário foi o melhor em dez anos.

Leia também:
Concessionárias registram queda de 45% nas vendas em Mato Grosso
 
Marco Antonio, de 39 anos, e que trabalha no ramo desde os nove, conta que o cenário vinha em queda, e não esperava esta realidade. “Vendemos todos os tipos de flor, tudo o que tinha. Eu pensava que seria uma caixinha de surpresa, ou ‘bombaria’, ou venderia menos, porque as pessoas não podiam sair de casa”, contou ao Olhar Conceito.
 
O primeiro cenário foi o que se tornou realidade. Segundo Marco, as vendas aconteceram principalmente na sexta-feira e no sábado, e ficou difícil de atender quem pediu por telefone ou WhatsApp. “Nossa prioridade era quem entrava, porque veio muita gente mesmo”.
 
No domingo, quando eles normalmente fecham às 14h, tiveram que ficar abertos até 18h para dar conta da demanda. Para ele, o motivo é a falta de opção de outras lojas. “Muitos comércios fechados... shoppings, restaurantes, pousadas. Então quem geralmente ia almoçar com a mãe em um restaurante chique, este ano não tinha essa alternativa, e nem de comprar bolsa, sapato, porque estava tudo fechado”.
 
A campeã de vendas, segundo ele, foi as orquídeas. E o fenômeno não foi só em sua loja, mas em várias do setor em Cuiabá, e até em todo o Brasil. No último domingo (10), o Fantástico passou uma reportagem também falando sobre o aumento na venda de flores, causado principalmente pelo distanciamento social das famílias. Sem poder estar presente, filhos e filhas decidiram enviar flores para representar o amor e a esperança de dias melhores. Para Marco, a novidade foi ótima. Agora, ele espera pelo Dia dos Namorados, com a esperança de que o fenômeno de vendas se repita.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet