Olhar Agro & Negócios

Quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Notícias / Geral

Preço do litro do etanol tem nova alta e já chega a R$ 3,19 em Cuiabá

Da Redação - Bruna Bom

21 Jan 2020 - 12:15

Foto: Olhar Direto

Preço do litro do etanol tem nova alta e já chega a R$ 3,19 em Cuiabá
Os consumidores cuiabanos devem preparar o bolso ao abastecer nos postos da capital nesta semana: após reajuste ocorrido nesta terça-feira (21), o preço do etanol atingiu o pico de R$ 3,19 em alguns postos de Cuiabá.

Leia também:
Estudo aponta que etanol em MT é o segundo com menor preço

Conforme dados coletados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), entre 12 e 18 de janeiro, o etanol chegou atingir o valor máximo de R$ 3,09 e o preço mínimo encontrado foi de R$ 2,94. 

Ainda segundo a ANP, Mato Grosso registrou a maior alta no valor do combustível do país no período mencionado acima, chegando a 4,46%, enquanto a média do aumento nacional foi de 4,27%.

Segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis de Mato Grosso (Sindipetróleo), o preço do litro do etanol hidratado deve se manter em alta no estado, impulsionado por reajustes nas usinas e distribuidoras.

Ainda segundo o Sindipetróleo, os donos dos postos de combustíveis não devem ser responsabilizados pelos reajustes, conforme explicou Nelson Soares, diretor executivo da instituição. "O Sindipetróleo esclarece que o mercado é livre e é formado por diversos agentes, portanto, os postos definem seus preços utilizando como referência os custos operacionais e de aquisição de produtos nas distribuidoras. Não podem ser responsabilizados pelos reajustes", destacou Nelson.

O também diretor do Sindipetróleo e proprietário do Posto Bom Clima, Claudyson Martins Alves (Káká) afirma que a margem de lucro dos postos não acompanha a das distribuidoras, causando uma defasagem que prejudica o empresariado. "A distribuidora aumenta semanal, já o posto não aumenta por semana, o que deixa a margem defasada já faz um bom tempo. E não tem tendência a baixar por um tempo, ele deve aumentar mais um pouco e abaixar em abril que é quando começa a safra aqui no Mato Grosso", afirmou Kaká.


A assessoria de comunicação do Sindicato também informou que a elevação no preço do etanol afeta tanto o consumidor quanto os proprietários de postos de combustível. "Os postos estão absorvendo parte do reajuste, por conta disso, sobe-se muito o preço, as vendas caem. Mas tudo depende também de como se comportam as distribuidoras", informou a assessoria.

Em outras cidades do estado de Mato Grosso, a média é ainda maior. No município de Alta Floresta, o valor do litro chega a R$ 3,32, seguido por Sorriso R$ 3,24, Sinop R$ 3,20, Rondonópolis R$ 3,19, e Várzea Grande que atinge R$ 3,07.

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • M.Mota
    22 Jan 2020 às 13:55

    Graças ao Ganancioso Mauro Mendes que aumento a carga tributária do estado, parabéns tbem aos deputados que aprovaram esse roubo vamos ver nas próximas eleições se esses eleitores "burro" vão acreditar em discursinho bonito e esquecer quem pode melhorar o estado

  • Imposto pago retorno zero
    22 Jan 2020 às 12:24

    CADA VEZ MAIS O ESTADO ESTÁ PESANDO NAS COSTAS DE QUEM TRABALHA E NÃO TEM RETORNO NAS ESCOLAS ESTADUAIS NÃO TEM NEM LIVROS PARA AS CRIANÇAS É UMA INJUSTIÇA ENORME !

  • AVANÇA MT
    22 Jan 2020 às 12:22

    VOLTAR A CALCULAR O IMPOSTO PELAS REGRAS QUE TODOS ESTADOS USAM ESTÁ CORRETO TRAZ SEGURANÇA JURÍDICA QUE MUITAS VEZES FALTA PARA QUEM GERA RENDA NESSE PAÍS, MAS TEM QUE DIMINUIR O TAMANHO DO ESTADO INCHADO NAS COSTAS DE QUEM TRABALHA ESTÁ INSUSTENTÁVEL É OBVIO

  • Observador
    22 Jan 2020 às 11:42

    É muita ingenuidade a pessoa achar que vai entrar alguém no governo, seja ele municipal, estadual ou federal, ou mesmo "tirar o PT" como o nobre colega Zumbi citou no comentário abaixo, que tudo vai ser um mar de rosas, que os problemas não mais existirão, que tudo se resolverá num estalar de dedos. É óbvio que os problemas no Brasil são históricos, a corrupção está enraizada, virou cultura, a ausência de atuação do poder público em favor da comunidade é visível. O que esperarmos, e pra isso votamos em mudanças, é que as coisas comecem, aos poucos, se tornarem um pouco melhor para o povo, façamos por enquanto apenas comparações, dos atuais governos e dos anteriores, só pra ter ideia pra que lado estamos caminhando, pra melhor ou pra pior. Simples!

  • renato santos
    22 Jan 2020 às 11:18

    veja bem, esse preço absurdo, nao tem a haver com Estado do MT, pq reajuste que aumenta de 10% para 12,5%, a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre o etanol, aumentou 2,5% icms, essa aliquota nao faz o etanol passar de 3,00, comerciante de postos, fiquem espertos, Procom MT, esta de olho em vcs

  • Apolo
    22 Jan 2020 às 09:45

    Parabéns aos envolvidos!!!!

  • Patropi
    22 Jan 2020 às 07:51

    Ow Zumbi, isso não tem nada a ver com o Governo Federal, o aumento se deve ao aumento da carga tributário imposta pelo Governador Mauro Mendes e aprovado pelos Deputados Estaduais. Esses sim são os culpados por ferrarem com o povo de Mato Grosso.

  • Oi?
    21 Jan 2020 às 14:13

    Se acelerar mais já-já bate o dólar. Vai, Brasil! Força, Brasil! Preços de primeiro mundo num lugarzinho de quinta categoria.

  • alexandre
    21 Jan 2020 às 14:07

    Culpa do MM...

  • Zumbi
    21 Jan 2020 às 13:20

    Uai, não era só tirar o PT que esse país seria uma maravilha ????? eu ajudei a tirar confesso mas também confesso que o ferro entrou dobrado ..ao menos me restou a vergonha na cara e juro que nunca mais voto nessa atual turminha e quero longe da minha vida candidatos ligados ao agronegócio....não da para manter o discurso de patriotismo enquanto essa galera nos tira direitos trabalhistas conquistado , isso já não é mais doença é burrice mesmo ....essa turma do agro nos trata como seus gados enquanto as nossas custas só enriquecem

Sitevip Internet