Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 29 de setembro de 2020

Notícias / Geral

Preço do litro do etanol tem nova alta e já chega a R$ 3,19 em Cuiabá

Da Redação - Bruna Bom

21 Jan 2020 - 12:15

Foto: Olhar Direto

Preço do litro do etanol tem nova alta e já chega a R$ 3,19 em Cuiabá
Os consumidores cuiabanos devem preparar o bolso ao abastecer nos postos da capital nesta semana: após reajuste ocorrido nesta terça-feira (21), o preço do etanol atingiu o pico de R$ 3,19 em alguns postos de Cuiabá.

Leia também:
Estudo aponta que etanol em MT é o segundo com menor preço

Conforme dados coletados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), entre 12 e 18 de janeiro, o etanol chegou atingir o valor máximo de R$ 3,09 e o preço mínimo encontrado foi de R$ 2,94. 

Ainda segundo a ANP, Mato Grosso registrou a maior alta no valor do combustível do país no período mencionado acima, chegando a 4,46%, enquanto a média do aumento nacional foi de 4,27%.

Segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis de Mato Grosso (Sindipetróleo), o preço do litro do etanol hidratado deve se manter em alta no estado, impulsionado por reajustes nas usinas e distribuidoras.

Ainda segundo o Sindipetróleo, os donos dos postos de combustíveis não devem ser responsabilizados pelos reajustes, conforme explicou Nelson Soares, diretor executivo da instituição. "O Sindipetróleo esclarece que o mercado é livre e é formado por diversos agentes, portanto, os postos definem seus preços utilizando como referência os custos operacionais e de aquisição de produtos nas distribuidoras. Não podem ser responsabilizados pelos reajustes", destacou Nelson.

O também diretor do Sindipetróleo e proprietário do Posto Bom Clima, Claudyson Martins Alves (Káká) afirma que a margem de lucro dos postos não acompanha a das distribuidoras, causando uma defasagem que prejudica o empresariado. "A distribuidora aumenta semanal, já o posto não aumenta por semana, o que deixa a margem defasada já faz um bom tempo. E não tem tendência a baixar por um tempo, ele deve aumentar mais um pouco e abaixar em abril que é quando começa a safra aqui no Mato Grosso", afirmou Kaká.


A assessoria de comunicação do Sindicato também informou que a elevação no preço do etanol afeta tanto o consumidor quanto os proprietários de postos de combustível. "Os postos estão absorvendo parte do reajuste, por conta disso, sobe-se muito o preço, as vendas caem. Mas tudo depende também de como se comportam as distribuidoras", informou a assessoria.

Em outras cidades do estado de Mato Grosso, a média é ainda maior. No município de Alta Floresta, o valor do litro chega a R$ 3,32, seguido por Sorriso R$ 3,24, Sinop R$ 3,20, Rondonópolis R$ 3,19, e Várzea Grande que atinge R$ 3,07.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet