Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Notícias / Geral

Aeroporto de Barra do Garças irá receber investimento de R$ 38 milhões em dois anos

Da Redação - José Lucas Salvani

18 Dez 2019 - 17:12

Foto: Rafael Manzutti / Sinfra-MT

Aeroporto de Barra do Garças irá receber investimento de R$ 38 milhões em dois anos
Durante dois anos, o aeroporto de Barra do Garças irá receber um investimento de R$ 38 milhões, por meio de um convênio para obras, assinado pela Secretaria de Aviação Civil (SAC) nesta quarta-feira (18). Com as obras, o aeroporto poderá passar a receber empresas de linhas aéreas do Brasil.

Leia mais:
Concessionária deve assumir aeroporto de Cuiabá no fim de dezembro

O secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Saggioro, afirmou que esta é uma obra de médio porte, bastante robusta, "que vai mexer na pista de pouso e decolagem, na taxiway, no pátio de aeronaves e no terminal de passageiros". Ele disse ainda que o aeroporto estará preparado para receber jatos das empresas operadoras de linhas aéreas do Brasil, podendo atender com maior qualidade a região".

Segundo Saggioro, sabe-se também que a aviação regional paga tarifas muito altas, se compararmos com o resto do país e com rotas para o exterior logo um dos objetivos com as obras é fazer que as passagens se tornem mais baratas. "Então, o objetivo é trazer mais ofertas para essa cidade e, com isso, propiciar uma redução do custo da passagem para o usuário", completou o gestor.

A secretária de Turismo de Barra do Garças, Mônica Porto, afirma que a questão do turismo será muito beneficiada, já que atrairá visitantes de localizações mais distantes, além do Centro-Oeste. "Isso beneficia a região, composta de 33 cidades em Mato Grosso e Goiás. Não é a última etapa, mas podemos dizer que é o primeiro degrau desta fase final", finalizou. 

Ficará por responsabilidade da Prefeitura de Barra do Garças fazer a licitação, explica o senador Wellington Fagundes (PL), presidente da Frente Parlamentar de Logística e Infraestrutura.

"Será um projeto de desenvolvimento de toda a região porque, no que concerne ao terminal, diversifica a concorrência e reduz preços, e quanto ao Araguaia, na medida em que o aeroporto está ao lado de uma rodovia (BR-080), há a implantação de indústrias que o utilizarão, e assim, irão gerar muito mais empregos".

Comentários no Facebook

Sitevip Internet