Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Notícias / Geral

Cuiabá e mais quatro cidades concentram 41,13% do PIB de Mato Grosso; veja classificações

Da Redação - Fabiana Mendes

13 Dez 2019 - 10:25

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Cuiabá e mais quatro cidades concentram 41,13% do PIB de Mato Grosso; veja classificações
Pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que Cuiabá, Rondonópolis, Várzea Grande, Sorriso e Sinop concentraram 41,13% do Produto Interno Bruto (PIB) de Mato Grosso, que foi de R$ 126,8 bilhões, durante o ano de 2017. 

Leia mais:
Grupo investirá R$ 120 mi na construção de apartamentos; 350 empregos devem ser gerados

A Capital lidera o ranking no estado com R$ 23.301.195.000, e a 32ª posição entre os cem municípios do Brasil. A soma total das riquezas produzidas em Cuiabá foi de R$ 20,5 bilhões em 2014, R$ 21,2 bilhões em 2015 e R$ 22,2 bilhões em 2016.

Na lista dos cem maiores municípios em relação ao PIB per capita e população estimada para 1º de julho, destacam-se em Mato Grosso: Campos de Júlio (12º), Santa Rita do Trivelato (17º), Sapezal (53º), Querência (61º), Ipiranga do Norte (63º), Alto Taquari (67º), Diamantino (71º), Nova Ubiratã (76º), Campo Novo do Parecis (81º) e Itiquira (85º).

Agricultura e Agropecuária

Mato Grosso obteve o maior percentual de municípios em que a agricultura, inclusive apoio à agricultura e pós-colheita aparece como atividade de maior destaque (35,5%), seguido por Rio Grande do Sul (32,4%) e Paraná (30,8%). Em 2017, cerca de um quarto do valor adicionado bruto da Agropecuária brasileira vinha de 165 municípios dos quais 96 (58,2%) estavam no Sul e no Centro-Oeste, ancorados na produção de soja, algodão e arroz.

Os cinco municípios com os maiores valores foram São Desidério (BA), Rio Verde (GO), Sapezal (MT), Sorriso (MT) e Três Lagoas (MS), e somaram 2,2% do valor adicionado bruto da Agropecuária.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet