Olhar Agro & Negócios

Sábado, 14 de dezembro de 2019

Notícias / Geral

Empresas tradicionais X startups: principais diferenças e semelhanças

Da Assessoria

29 Nov 2019 - 14:30

Foto: Reprodução

Empresas tradicionais X startups: principais diferenças e semelhanças
A pessoa que almeja começar o seu próprio negócio e tornar-se uma empreendedora tem que lidar com uma série de questões logo de cara. Qual será o modelo de negócio em que investirei? Será um restaurante, uma loja para venda de ferramentas ou um escritório planejado de contabilidade? Quais os locais que me permitem fazer esse empreendimento?
 
E, nos últimos anos, outra dúvida comum que aparece na cabeça dessas pessoas é: devo investir em um negócio tradicional ou fundar uma startup? Esse segundo modelo ganhou popularidade e adeptos nesta década, tornando-se uma opção cada vez mais viável para quem deseja dar seus primeiros passos no mundo do empreendedorismo.

Mas o que é uma startup?

Se fala bastante sobre startups, mas, por ser um novo modelo de negócios, muitos talvez não saibam do que se trata. Elas são empresas que estão começando e dando seus primeiros passos. O termo em inglês, “start up”, tem o significado justamente de pôr algo em movimento.
 
Esse tipo de empresa surge, normalmente, por uma tendência pela busca da resolução de um problema. A palavra-chave é “oportunidade”. O empreendedor, ao perceber que pode oferecer um produto capaz de solucionar um problema ou tornar a vida das pessoas mais fácil, investe nesse tipo de ramo.
 
Outra característica fundamental desse modelo é a sua escalabilidade. Isso significa que a empresa consegue crescer com rapidez, atendendo uma demanda cada vez maior, com a mesma padronização, mas sem aumentar o custo operacional desse crescimento.
 
Isso difere bastante de um negócio que precisa focar na fabricação de um produto, por exemplo. Nele, quanto maior a demanda, maior o gasto com matéria-prima, funcionários, distribuição, etc. É um modelo que, com o crescimento da empresa, também há um crescimento das despesas.
 
Exemplos comuns de startups estão nas áreas de tecnologia e informática, como empresas de aplicativos e desenvolvimento de softwares. Elas conseguem disponibilizar, em larga escala, seus produtos e serviços. Dessa forma, existe o crescimento do negócio, mas o aumento do custo é bem pequeno.

Riscos

Por se tratar de um investimento em uma área inovadora, a fundação de uma startup envolve riscos. É preciso muito investimento e trabalho para que a iniciativa dê certo, além de estar ciente da necessidade de se adotar um modelo escalável. E, mesmo assim, não existe garantia de retorno.
 
O clima de incerteza é comum nesse tipo de empresa, já que não se sabe se a iniciativa dará certo. É preciso correr atrás de investimentos e patrocinadores interessados em apostar na ideia. Mas, principalmente, é preciso que planeje-se crescer em receita, sem que isso aumente os custos de produção.

Diferenças para empresas tradicionais

Se uma startup é focada no crescimento rápido e escalável, operando um negócio de maior risco, a empresa comum opera por outra lógica. Quem opta por iniciar um empreendimento desse último tipo se joga no projeto devido à necessidade, e não à oportunidade, de estar ali.
 
Assim como a startup, um negócio tradicional também requer planejamento, trabalho e dedicação. É preciso pensar com seriedade sobre a questão do planejamento e da gestão financeira, o contrato de mão de obra qualificada, o controle de estoque de matéria-prima e a elaboração de um plano de marketing que chame a atenção dos clientes.
 
Esse modelo é menos arriscado que a startup. Isso significa que o retorno é mais garantido. Porém, a concorrência é maior e, por isso, o retorno acaba sendo limitado. Investir em uma empresa comum visa ao crescimento em longo prazo, com a rentabilidade aumentando aos poucos.
 
Apesar de suas peculiaridades e mentalidades distintas para gerir cada tipo de negócio, o empreendedor aspirante deve ter em mente que ambos os modelos exigem planejamento rigoroso. Antes de começar o seu negócio, faça os cálculos de gasto, analise o mercado e procure as melhores opções de como investir seu dinheiro.
Sitevip Internet