Olhar Agro & Negócios

Domingo, 24 de outubro de 2021

Notícias / Agricultura Familiar

apresentação de projeto

Ceasa-MT é importante, mas o caminho a seguir será decisão de Taques

Da Redação - Viviane Petroli

31 Jul 2015 - 08:00

Foto: Maria Anffe/GcomMT

Ceasa-MT é importante, mas o caminho a seguir será decisão de Taques
O projeto da Central de Abastecimento do Estado de Mato Grosso (Ceasa-MT) foi apresentado para a nova gestão do governo de Mato Grosso. Apesar de o projeto ser considerado importante, principalmente para fomentar a agricultura familiar e resolver a dependência de Mato Grosso por alimentos de outros estados, o caminho a ser tomado depende do governador Pedro Taques.

O presidente da Ceasa, Baltazar Ulrich, apresentou nesta quinta-feira (30) o projeto da Central para os secretários da Agricultura Familiar, Suelme Fernandes, e do Gabinete de Governo, José Arlindo de Oliveira, durante uma reunião no Palácio Paiaguás.

Leia mais:
Ceasa de Mato Grosso irá reduzir gastos com aquisição de hortifrutis de outros Estados
Contrato de concessão do Ceasa-MT é assinado; Operação deve iniciar em 2017

De acordo com Baltazar Ulrich, o projeto não só fomentará a agricultura familiar como reduzirá custos com a importação de frutas, verduras e legumes.

Conforme o secretário a Agricultura Familiar, Suelme Fernandes, a reunião serviu para aprofundar o conhecimento no projeto e como um passo para discutir o problema de abastecimento no estado.

É um assunto complexo, mas estratégico e muito relevante para o futuro de Mato Grosso. Já temos informações suficientes para repassar ao governador, mas a decisão de qual caminho trilhar é dele”.

O projeto do Ceasa-MT foi criado em 1986, como o Agro Olhar já comentou, e no ano seguinte um diagnóstico foi realizado apontando as deficiências e necessidades para se atender ao pequeno produtor mato-grossense.

O Ceasa-MT deverá gerar 3,5 mil empregos diretos e 8 mil indiretos. As projeções são de 40 mil pessoas circulando no local diariamente.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet