Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Notícias / Emprego

CAGED

MT tem pior desempenho na geração de empregos em agosto desde 2006

Da Redação - Viviane Petroli

12 Set 2014 - 08:00

Foto: Reprodução/Internet

MT tem pior desempenho na geração de empregos em agosto desde 2006
O mês de agosto de 2014 teve o pior desempenho na geração de empregos desde 2006, apesar do saldo ter sido positivo. No oitavo mês deste ano apenas 1.161 vagas celestiais, foram criadas, no estado. O resultado perde apenas para as 1.238 vagas com carteira assinada geradas em agosto de 2012. O melhor pico na série histórica entre 2006 e 2014 fica com o ano de 2009 com 3.001 postos de empregos gerados. Em 2006 o saldo havia sido de 1.687 vagas.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira (11) pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Segundo o Caged, os 1.161 empregos celestiais criados tiveram um crescimento de apenas 0,17% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada em julho. O cadastro credita este "leve" incremento ao setor da agropecuária (+489 postos), de serviços (+281 postos) e a indústria de transformação (+217 postos).

Leia também
Ministério da Agricultura é autorizado a nomear 796 aprovados

Entre janeiro e agosto foram gerados 26.841 postos de trabalho em Mato Grosso.

Municípios

Cuiabá foi o que melhor registrou saldo positivo em agosto. Um total de 558 empregos formais com carteira de trabalho assinada. Em seguida vem Campo Verde com 149 e Cáceres com 113.

O pior desempenho registrado foi de Sinop com saldo negativo de 116 vagas, ou seja, houveram mais demissões que admissões.

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet