Olhar Agro & Negócios

Sábado, 04 de dezembro de 2021

Notícias | Geral

Associativismo será destaque no 1º Encontro Aproleite

O empenho dos produtores de leite de Mato Grosso tem feito com que a produção melhore a cada ano no estado. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados neste mês, apontam que em 2011 Mato Grosso produzia 743,1 milhões de litros de leite, volume 5% superior a 2010 (708,4 milhões de litros).

Com isso, o estado ocupou o 9º lugar no ranking nacional do ano passado, participando com 2,3% nos 32,09 milhões de litros produzidos no país. Mas para Mato Grosso se tornar o maior produtor de leite do país nos próximos 10 anos é fundamental que haja o fortalecimento da classe, por meio de entidades como a Associação dos Produtores de Leite de Mato Grosso (Aproleite). Para mostrar a importância desta união, o tema associativismo também será abordado durante o 1º Encontro Aproleite, que ocorre nos dias 08 e 09 de novembro, no Cenarium Rural, em Cuiabá.

No dia 09 de novembro, das 16h às 17h, o Painel “Associativismo e Cooperativismo: dois modelos de organização” mostrará o case de sucesso da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso (Aprosoja), com apresentação do presidente da entidade, Carlos Fávaro. Além disso, o painel destacará os benefícios do cooperativismo no setor leiteiro.

O presidente da Aproleite, Alessandro Casado, explica que este tema irá orientar os produtores sobre as diferenças de associativismo e cooperativismo, assim como informará suas respectivas importâncias. Um dos objetivos do 1º Encontro Aproleite é envolver os produtores de leite do estado para a representatividade da classe. Casado destaca que, com o trabalho dos produtores, cooperativas e associações, a industrialização de leite em Mato Grosso atingiu 148,6 mil litros no segundo trimestre deste ano (abril a junho), colocando o estado na 8ª posição do ranking nacional no período. Isso representa crescimento de 13,4% ante o mesmo intervalo do ano anterior, quando o volume industrializado foi de 131.094 mil litros. “Precisamos organizar a cadeia produtiva do leite de Mato Grosso, cuja produção vem aumentando dia a dia. A Aproleite veio para centralizar algumas ações específicas da cadeia para que possamos continuar crescendo, mas de forma organizada”, afirma.

"Queremos que todos os produtores de leite participem deste evento. Nosso objetivo é levar conhecimento para as pessoas envolvidas nesta cadeia que é de suma importância para o desenvolvimento de Mato Grosso. Além disso, pretendemos fortalecer a representatividade do produtor”, informa o presidente do Sistema Famato, Rui Prado.

Evento - O 1º Encontro Aproleite é uma realização Aproleite, Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT). Conta com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Mato Grosso (Sebrae-MT), Organização e Sindicato das Cooperativas Brasileiras de Mato Grosso (OCB-MT), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Fundo Emergencial de Saúde Animal de Mato Grosso (Fesa-MT), Imea, Scot Consultoria e Sindicatos Rurais.

As inscrições podem ser feitas pelo site www.encontroaproleite.com.br. O valor da inscrição para técnicos e profissionais liberais é de R$ 150 até o dia 05 de novembro e R$ 200 no local do evento. Produtores rurais e estudantes pagarão R$ 100 antecipadamente (até o dia 05 de novembro) e R$ 150 para inscrições efetuadas nos dias do encontro. A forma de pagamento somente será aceita por meio de depósito bancário identificado pelo CPF. Vale destacar que não serão aceitos comprovantes de depósitos realizados em caixas eletrônicos.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui
Sitevip Internet