Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 17 de maio de 2022

Notícias | Energia

sobreposição

Aneel autoriza reservatório da usina do Rio Teles Pires em áreas de assentamento do Incra

Foto: Em vermelho estão as áreas declaradas de utilidade pública sobrepostas com assentamentos

Aneel autoriza reservatório da usina do Rio Teles Pires em áreas de assentamento do Incra
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) declarou como de utilidade pública uma área de 419 hectares entre os municípios de Cláudia, Itaúba e Sinop em Mato Grosso. A decisão foi proferida na segunda-feira (25), na Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração. 

Leia mais:
Rodovia federal vai ficar 60 km mais longa porque indígenas não permitiram asfalto em Suiá Missu


O local será utilizado como reservatório da usina hidrelétrica do rio Teles Pires. Apesar da concessão, a Aneel lembrou que parte do terreno declarado de utilidade pública (DPU) foi sobreposto sobre assentamentos administrados pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – INCRA, ou seja, já são áreas públicas.

A DPU é um instrumento pelo qual a Aneel autoriza a empresa responsável pelo empreendimento hidrelétrico, que neste caso é a Companhia Energética Sinop S.A., a realizar a desapropriação de imóveis localizados na área onde o reservatório da hidrelétrica será instalado.

Como neste caso a Aneel verificou que existe sobreposição da área do reservatório com áreas da Reforma Agrária, a agência recomendou que a Energética Sinop tente desapropriar a área juntamente com o Incra. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet