Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Notícias / Economia

Prefeitura participa de Mutirão Limpa Nome da CDL e oferece desconto em negociações

Da Redação - Patrícia Neves

29 Nov 2018 - 10:03

Foto: Assessoria

Prefeitura participa de Mutirão Limpa Nome da CDL e oferece desconto em negociações
Em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a Prefeitura de Cuiabá participa do Mutirão Limpa Nome SPC. A campanha para recuperação de crédito, teve início na segunda-feira (26) e já atendeu mais de duas mil pessoas. Diante disso, as negociações de dívida ativa, feitas na Procuradoria Geral do Município, serão transferidas para a sede da entidade até sexta-feira (30).

Leia Mais:
“Nem Janaina, nem Maluf, nem ninguém”, diz Botelho sobre acordo para formação da Mesa Diretora

“Aderimos ao projeto para facilitar ainda mais a negociação dos débitos junto ao Município. Então os inscritos na dívida ativa, com pendências no ISS, multas ambientais e IPTU, têm mais uma chance para regularizarem sua situação”, explicou o procurador geral, Luiz Antônio Possas.

Os acordos preveem desconto de 95% para pagamentos à vista; de 60% para parcelamento em 12 vezes; 50% quando para 24 meses; e 20% para aqueles que optarem por dividir entre 25 e 48 vezes. Os benefícios se estendem às multas ambientais, vinculadas à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, e de trânsito da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), ambas com abatimento de 50%.

Luiz Antônio lembra que, desde o último mês, os débitos de trânsito são pagos apenas na Semob, No caso de pendências não inscritas na dívida ativa (ISS, autos de infração, multas ambientais), os munícipes devem procurar pelo Centro de Atendimento ao Contribuinte (CIAC).

Limpa Nome

O mutirão, que vai até o dia 14 de dezembro, vai oferecer condições especiais e juros até zero para quitação das dívidas dos consumidores, possibilitando a limpeza do nome junto ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e demais bureaus de crédito. “Durante esses dias da campanha, os consumidores poderão negociar suas dívidas de diversos segmentos, como água, luz, bancos, prefeituras, comércio, faculdades e outros”, garantiu Granja.

De acordo com a CDL, o objetivo principal do mutirão é a recuperação do capital (total ou parcialmente) por parte do empresário, além disso, oferecer uma oportunidade para que o consumidor volte a ter crédito para poder consumir novamente, já que somente em Mato Grosso, são mais de 1,16 milhões de pessoas negativadas, o que representa 48,3% da população adulta do Estado.